Páginas

sábado, 10 de outubro de 2009

Tumba de mulher é violada em Águas Belas e há suspeita de necrofilia

Um crime chocou a população mo município de Águas Belas, Agreste do Estado, distante 273 quilômetros do Recife. O túmulo de Fabiana Barros Bezerra, enterrada no cemitério municipal na última quarta-feira (7), foi violado e suspeita-se de que o acusado tenha praticado sexo com o cadáver, caracterizando necrofilia. O laudo do Instituto de Medicina Legal que vai declarar se foi caracterizada a perversão sexual deve sair em 30 dias.

Fabiana tinha 21 anos e faleceu em decorrência de um tumor cerebral. A família foi comunicada do crime na manhã da quinta (8). De acordo com o pai da vítima, Jairo Bezerra, a fralda geriátrica com a qual a mulher fora enterrada estava jogada de lado, o que levantou suspeitas do abuso.

"Enterramos ela na quarta e na quinta-feira a catacumba estava aberta e a fralda dela estava de banda. Bem cedo, o coveiro se assustou e avisou à Polícia", disse. Em seguida, a família prestou queixa na delegacia do município. Ainda não há pistas de um possível suspeito.

O corpo deve chegar em Águas Belas ainda na tarde desta sexta e um novo sepultamento não foi marcado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário